Terça-Feira, 23 de Maio, 2024 Acesse nosso Instagram
24-08-2023

Sipcam Nichino atesta bom desempenho de tecnologias fungicidas na safra de maçã 2023

Empresa avalia resultados entregues por três tecnologias no controle da sarna-da-macieira, podridões de frutos e outras doenças que afetam

a produtividade e a qualidade dos pomares

Após a colheita da maçã ter sido concluída nos estados Rio Grande do Sul e Santa Catarina, que concentram a produção da fruta no país, a Sipcam Nichino Brasil compila resultados a campo entregues pelos fungicidas Dodex® 450 SC, Metiltiofan® e Echo® 720 SC aos pomicultores. Estas soluções vêm sendo adotadas com sucesso safra após safra nos pomares do Sul, para controle das doenças sarna-da-macieira, podridões-dos-frutos e cancro europeu, todas com elevado potencial para ocasionar danos à produtividade e a qualidade dos frutos.

De acordo com o engenheiro agrônomo José de Freitas, da área de desenvolvimento de mercado da Sipcam Nichino, há expectativa de que os três produtos apresentem, ao final dos estudos, indicadores igualmente robustos aos divulgados em ciclos anteriores da macieira.

“Já sabemos que tratamentos ancorados no fungicida Dodex® 450 SC proporcionam eficácia de 99% no controle da sarna-da-macieira nas folhas e superior a 95% nos frutos produzidos pelos pomicultores do Sul”, adianta Freitas. “Aplicado desde a brotação da cultura, até o início do desenvolvimento dos frutos, a solução obteve desempenho altamente favorável na boa cobertura dos alvos, essencial ao controle da sarna-da-macieira.”

“Não controlada, a sarna-da-macieira (Venturia inaequalis) causa queda de flores, diminui o vigor de plantas e traz perdas em qualidade, com impacto negativo direto no valor comercial da fruta”, continua ele.

Conforme Freitas, o fungicida auxilia também no controle da mancha-de-gala (Colletotrichum gloeosporioides), outra doença preocupante. “Seguro, seletivo, Dodex® 450 SC pode ser aplicado até mesmo no período de russeting (início de desenvolvimento dos frutos)”, reforça. “A molécula de base do produto continua muito eficaz e não teve nenhum relato de resistência a fungos.”

No controle preventivo eficaz do cancro europeu (Neonectria galligena), Freitas enfatiza a recomendação do fungicida Metiltiofan®, “com ação comprovada ainda sobre as podridões-dos-frutos e outras doenças relevantes da macieira”.

Em relação ao fungicida Echo® 720 SC, complementa Freitas, a companhia “deverá confirmar resultados de safras anteriores, que posicionam essa solução como efetiva no controle de doenças foliares”. “Na safra recém-encerrada, como na anterior, notamos a importância desse produto sobre patógenos que perderam a sensibilidade a fungicidas específicos”, afirma.

Ainda de acordo com Freitas, Echo® 720 SC acumula resultados expressivos sobre duas doenças foliares cujo controle é estratégico à produtividade dos pomares de maçã: sarna-da-macieira e a mancha-foliar-da-gala. “Para estas, indicamos igualmente o manejo preventivo do pomar”, finaliza José de Freitas.

Criada em 1979, a Sipcam Nichino resulta da união entre a italiana Sipcam, fundada em 1946, especialista em agroquímicos pós-patentes e a japonesa Nihon Nohyaku (Nichino). A Nichino tornou-se a primeira companhia de agroquímicos do Japão, em 1928, e desde sua chegada ao mercado atua centrada na inovação e no desenvolvimento de novas moléculas para proteção de cultivos.

Veja Mais
Mercados de açúcar fecham semana sem tendência definida...
Café robusta avança com preocupações no Vietnã, mas arábica...
Mercado de soja retrocede em Chicago apesar de alta no trigo e mi...
Prêmios recuam para o milho...
Firmeza dos preços domésticos do trigo mantida pela paridade de...
Produtores rurais podem renegociar dívidas do crédito rural at...
Mapa publica portaria para o processamento de produtos de origem ...
Brasil conquista dois novos mercados para pescados na Índia...
Clima favorece atividades de campo; comprador de milho segue retr...
Queda nos preços da carne suína reflete escoamento fraco...
Mais vistos